segunda-feira, 23 de setembro de 2013

tempestade

Tempestade




A chuva caí com extrema agressividade,
tudo que vemos um lago, um mar;
não temendo obstáculos lavando o pasto
rompendo construção não medindo
forças para limpar seu caminho...
natureza descontrolada!
não calma nem com o meio dia;
destruindo o que há pela frente, não
se importando com o sofrimento da gente...
vendo tudo arrastado, ficando com a
tristeza ao lado...
sabendo o que não encontrar quando gotas
violentas caídas com desespero voltadas
para a destruição ...
pela frente, vimos tudo com os olhos caídos
e pulsos atados com o desespero de nada fazer...
nada esperar...da tempestade , que não passa.



Gilliard Q. Xavier




Nenhum comentário:

PoemasVersosPoesias

PoemasVersosPoesias
A origem da vida...é o ciclo em movimento.

Esse Blog é para os amantes da poesia ,versos e poemas

Minha foto
ELDORADO DO SUL, RGS, Brazil
Um escritor que vive no anonimato Graduado em gestão imobiliária e licenciado em Geografia.