sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

A lua e o sol: O amor impossível

não cruze meu caminho
 pois tem espinhos e você pode se ferir
mesmo espinhos não ferindo as rosas
tenho medo de sofrer ou de fazer sofrer

nada tenho que eu possa te oferecer,
a sombra da solidão me acompanha
se fundiu a meus sentimentos
deixando um vazio no peito

 Eu não tenho tempo para amar
 mas vejo o luar, e penso como foi um dia,
fico em meu delírio...
pois a lua e o sol não podem se encontrar.



Nenhum comentário:

PoemasVersosPoesias

PoemasVersosPoesias
A origem da vida...é o ciclo em movimento.

Esse Blog é para os amantes da poesia ,versos e poemas

Minha foto
ELDORADO DO SUL, RGS, Brazil
Um escritor que vive no anonimato Graduado em gestão imobiliária e licenciado em Geografia.